5 July 2017

BEAUTY BEYOND SIZE // A SELF-LOVE PROJECT



É com muita alegria no coração e muito amor para dar que anuncio o meu mais recente projecto aqui no blogue. BEAUTY BEYOND SIZE é talvez a rubrica mais íntima que vou fazer aqui, desafiando outros bloggers também a falar sobre algo que merece ser abordado com positivismo e sem más energias: amor-próprio. 

It's with an immense joy in my heart and a lot of love to give that I announce the most recent project here on the blog. BEAUTY BEYOND SIZE is perhaps the most intimate thing I'll do here, challenging other bloggers to talk about something that deserves to be approached with positivism and with no bad energies: self-love. 



A primeira vez que ouvi falar do termo beauty beyond size foi através de uma ideia que partiu da modelo Ashley Graham. Quando entrei na hashtag deparei-me com mais de 180 000 fotos de pessoas um pouco por todo o mundo que apelavam ao amor-próprio sem restrições, sem imposições, apenas com o intuito de amar o seu corpo. No meio de todas essas partilhas senti-me verdadeiramente representada. E eu sei o quão difícil é para muitos de vocês sentirem essa representação, uma das razões pela qual decidi criar este projecto.

A Ashley Graham foi a primeira noção que tive de representatividade no mundo da moda. Ali estava ela, com todos os seus quilos a mais a fazer sessões fotográficas para as grandes revistas, a criar uma linha de fatos de banho e bikinis para todos os tipos de corpo, a ser introduzida num meio onde as roupas quase sempre paravam no tamanho L, como se outros tamanhos não existissem na sociedade. O facto de se auto-apelidar de body activist e de criar este conceito que afirma que a beleza vai para além do tamanho que temos... Meu Deus, que inspiração. Definitivamente quis seguir os passos dela.

Enquanto seguidora mais ou menos presente dos movimentos feministas, fiquei a perceber que não sou a única a não ser representada. A representação vai muito para além do tamanho que temos, podendo chegar a questões como a sexualidade que temos, o género que temos, a cor de pele que temos. E a verdade é que em muitos desses aspectos sou privilegiada. Razão pela qual este projecto, que aborda fundamentalmente aceitação e amor ao nosso corpo, se estende também a todas as pessoas que não se sentem representadas e privilegiadas na sociedade, no mundo da moda e da beleza, etc.

Porque a verdadeira noção de beleza é uma que pertence a todos. 



The first time I heard the term beauty beyond size was through the idea motioned by the model Ashley Graham. When I went through the hashtag on Instagram I found more than 180 000 photos of people a bit from all over the world who called for self-love with no restrictions, no impositions, just trying to love their own body. In the middle of all those shares I felt truly represented. And I know how difficult it is for many of you to feel that representation, one of the reasons why I decided to create this project. 

Ashley Graham was the first notion I had of representation I had in the fashion world. There she was, with all her extra pounds doing photoshoots for big magazines, creating a line of swimsuits and bikinis for all types of bodies, being introduced in an environment where the clothes almost always stopped in size L, as if other sizes didn't exist in society. The fact that she calls herself a body activist and she created this concept that says beauty goes beyond the size we have... My God, what an inspiration. I definitely wanted to follow her steps. 

As a more or less present follower of the feminists movements, I realized that I'm not the only one not being represented. Representation goes a lot beyond the size we have, getting to matters like the sexuality we have, the gender we have, the skin color we have. And the truth is in a lot of those aspects, I'm privileged. Reason why in this project, that mainly talks about acceptance and loving our own body, it extends to all people who don't feel represented and privileged in society, in the fashion and beauty world, etc.

The true notion of beauty is one that belongs to everybody.

THE PROJECT // RULES AND GOALS


O BEAUTY BEYOND SIZE não é para ser visto como uma criação minha. Sou apenas uma seguidora de um movimento que já anda activo pelo mundo fora, sendo eu apenas uma pequena ajuda que chega a Portugal, fundamentalmente, e a outros países se assim o desejarem. E, como tal, o objectivo é simples: é suposto amarmo-nos sem restrições, julgamentos ou comentários negativos. Espalhar a nossa pegada de aceitação, partilhar o amor que temos pelo nosso corpo (ou a luta ao construir esse amor ao longo dos anos) e, com muita esperança, esperar que esse amor chegue a quem mais precisa dele. Seja o reflexo do nosso espelho ou o leitor e/ou visualizador que precisa dessa sensação de aceitação, amor, positivismo.  

Não vai haver um tema mensal. Ao contrário de outros projectos, não existe um limite de publicações ou um cumprimento cronológico. Fico feliz se participarem apenas com uma publicação, embora fique igualmente feliz se decidirem fazer várias relacionadas com o tema, mediante aquilo que mais gostariam de expor aos vossos leitores/visualizadores. Se quiserem sair da vossa zona de conforto, óptimo. Se quiserem falar o mínimo possível por não se sentirem confortáveis, óptimo também. Isto não seria um projecto de amor-próprio se o objectivo fosse deixar-vos desconfortáveis. 

Partilhem-se uns aos outros, por favor. Não com o objectivo de ganharem seguidores mas de se apoiarem uns aos outros nesta caminhada pelo amor. Eu, enquanto uma das bloggers que começou a desafiar outros bloggers, vou estar aqui para isso mesmo. Mesmo sem nunca ter falado com ela, a Ashley Graham fez-me sentir um bocadinho melhor em relação ao meu corpo. Também quero isso para todos vocês. 

Isto não é apenas direccionado para plus-size bloggers. Que isto fique muito bem assente. O que é aceite para mim, na percepção que tenho do meu corpo, não é nunca igual para quem vem a seguir e assim sucessivamente. A minha história ronda em torno do excesso de peso, a de outras pessoas pode querer abordar a luta contra a anorexia, bulimia, binge eating, depressão, deficiência, enfim. Não se fixem em apenas um elemento desta história, pois existem vários. 

Acima de tudo, sejam felizes. E obviamente que não espero que alguém ultrapasse a falta de auto-estima e outros problemas com este projecto. O que eu espero, do fundo do meu coração, é que vos ajude naquilo que vocês precisarem. Seja em motivação, aceitação, força, amor, felicidade - tudo o que for necessário.

underwear for dressmann

BEAUTY BEYOND SIZE is not to be seen as something I created. I'm just a follower of an already in motion movement, happening all over the world, and I am only a small help that comes mostly to Portugal and to other countries if that's what they want. And, as such, the goal is simple: we are meant to love without restrictions, judgmental or negative comments. Spreading our footprint of acceptance, sharing the love we have for our body (or the struggle in building that love throughout the years) and, with a lot of hope, hoping that love will get to someone who needs it the most. Whether it's the reflection in the mirror or the reader/viewer that needs that feeling of acceptance, love, positivism.

There won't be a monthly theme. Unlike other projects, there isn't a limit of posts or a chronological implementation. I am happy if you join us with only one post, although I'll get just as happy if you decide to bring many posts related to the theme and what you'd like to expose to your readers/viewers. If you want to step out of your comfort zone, great. If you want to talk the minimum possible because you're not comfortable, that's also great. This wouldn't be a self-love project if the goal would be making you uncomfortable.

Share with each other, please. Not with the goal of gaining new followers but to support each other in this walk towards love. I, as the blogger that challenged other bloggers, will be here for exactly that. Even though I never spoke with her, Ashley Graham made me feel slightly better with my body. I also want that for all of you. 

This is not addressed to plus-size bloggers only. Let this be very clear. What is accepted for me, in the perception I have for my body, is never the same for the one that comes next and so on. My story is about being overweight, others could want to talk about their struggles with anorexia, bulimia, binge eating, depression, disability, etc. Do not fixate in just one element in this story, for there are many. 

Most importantly, be happy. And I obviously don't expect someone to get over their lack of self-esteem and other problems with this project. What I hope, from the bottom of my heart, is to help you in whatever it is you need. Motivation, acceptance, strength, love, happiness - whatever it is necessary.


FOR MORE INFORMATION:

(or comment below with your e-mail)


26 comments so far

  1. Que projeto mais bonito! Escrevi uma publicação sobre o tema no meu blog há cerca de 2 meses e nunca pensei que fosse tão libertador partilhar com o mundo a minha história.
    Não me sinto bem comigo mesma todos os dias. Mas o caminho para o amor próprio vai sendo percorrido aos poucos e, passo a passo, aceito-me mais e mais.
    Estou super curiosa para ver os resultados deste projeto!

    My Own Anatomy ✨

    ReplyDelete
    Replies
    1. Ainda bem que gostaste do projecto, Marli! Principalmente porque te mandei um e-mail a desafiar-te para participares :p

      Beijinhos!

      Delete
  2. Sinto-me absolutamente encantada com a iniciativa que já conheço pela sua atividade online. Gosto imenso do facto de te sentires confortável o suficiente para expor a tua versão e incentivar outros a fazer o mesmo. Com muito interesse, pretendo participar apesar de não ser uma plus-size blogger (mas, como referiste, não é preciso ser unicamente isso) e sei que tenho uma história que já há algum tempo pretendia partilhar no blog. Uma história antiga que pode servir como um incentivo a outros. Vou divulgar também este post, para convocar um número significativo de pessoas porque, tal como não existe restrições nem cronologias ou temas, torna-se mais simples para as pessoas partilharem o que quiserem na sua própria zona de conforto ou, até mesmo, tentar desafiá-la. Gostei imenso! Sou apaixonada pelo teu conteúdo! E ansiosa para ler os teus artigos nesta rubrica fantástica!

    meg,
    do swacre.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oh minha linda! As tuas palavras são sempre tão, tão queridas! Muito obrigada por partilhares e pela tua participação, fico imensamente feliz :)

      Mandei-te e-mail com uma explicação mais detalhada do projecto! Mais uma vez, OBRIGADA! <3

      Delete
  3. Gostei bastante da ideia do projeto, sendo eu alguém que me relaciono bastante com isso. Nunca gostei verdadeiramente de mim e isso é algo bastante dificil de mudar. Acho que sim, que fazia falta um projeto como este. Tem tudo para ter sucesso.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Se quiseres participar no projecto, és mais do que bem-vinda! Também sou uma pessoa com problemas de auto-estima e parte da razão porque criei este projecto foi para me ajudar também a mim mesma. Por isso, já sabes, adoraria ler a tua história inserida nesta ideia! :)

      Beijinhos!

      Delete
  4. Parabéns pelo projecto. É um projecto muito bonito e que pode ajudar realmente alguém que esteja numa situação menos boa. Acho que vai teres muito sucesso. Hoje em dia já me aceito melhor e gosto de mim, apesar de teres alguns dias que não (mas penso que isso seja normal xD), contudo no passado não era assim...
    Estou interessada em saber mais sobre o projecto.
    O meu mail é: littlegirlbigworld21@gmail.com

    ReplyDelete
    Replies
    1. Mandei-te e-mail! Obrigada pelo interesse, linda :)
      Beijinhos!

      Delete
  5. Ohhh, que ideia tão boa! É muito, muito bom ver a blogosfera a crescer desta maneira tão positiva e de entre-ajuda. É um projeto que fazia falta e que tem tudo para correr bem e para ter uma influência positiva nas pessoas. Fico à espera de mais informações.

    Um beijinho,
    Bia do Bookaholic.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Mandei-te e-mail, tal como pedido. Os teus comentários são sempre super amorosos. Obrigada, querida Beatriz! Beijinho :)

      Delete
  6. Eu adorei este projeto, sem dúvida! Já deixei o meu email pelo Facebook :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. E obviamente já respondi! Ansiosa pela tua contribuição, linda!

      Delete
  7. És linda, e a tua iniciativa iguala-te ♥
    Não sou plus size blogger, mas sou plus size. Teria todo o gosto em ajudar-te. Juntas conseguimos transformar a internet num sítio ainda mais bonito.
    Fico à espera do teu email!

    Beijinhos
    http://chic-andcheap.blogspot.pt

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oh, minha querida! É esse mesmo o meu objectivo: deixar a Internet um sítio mais bonito, ao mesmo tempo que deixo as pessoas mais felizes!

      Mandei e-mail agora mesmo :)
      Beijinhos!

      Delete
  8. Projetos desta natureza têm uma importância gigantesca. E, por vezes, nem temos bem noção dessa dimensão. Acho crucial desconstruirmos estas ideias de beleza, do padrão que a sociedade impõe, porque é a nossa auto-estima que sofre com isso, bem como a nossa saúde. Não somos todos iguais, e isso também se aplica aos tipos de corpos existentes. O tamanho pouco importa quando sabemos que ao nível da nossa saúde estamos bem.
    Nem sempre tive a melhor relação com o meu corpo. Há dias em que aceito melhor do que outros. Acho que isso faz parte, porque é um processo muito pessoal, que não fica feito de um dia para o outro. Este tipo de iniciativas ajudam imenso para isto.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Captaste a essência, o porquê de isto ser importante, tão mas tão bem querida Andreia! Adoraria que participasses :)
      Se quiseres, teria todo o gosto em mandar-te um e-mail com mais informações!

      Delete
  9. Adorei a iniciativa, sem dúvida que a Ashley Graham é uma grande inspiração para todas inclusive para mim. Também não sou Blogger mas sou fotógrafa e adoraria contribuir de alguma forma para esse projeto, pois sou plus size. Deixo aqui o meu contacto: trezemundos@gmail.com
    Beijinhos*

    ReplyDelete
    Replies
    1. Fico tão, mas tão feliz por decidires participar! Ainda por cima através de algo tão bonito como a fotografia. Vou adorar ver o resultado, Catarina! Muito obrigada :)

      Delete
  10. Eu quero participar. Por razões um tanto quanto óbvias, hehehe. Não porque me detesto como sou... Mas porque sei que gosto muito de mim, mesmo lá no fundo e que tenho mais dias bons do que aqueles em que tenho vontade de partir o espelho.

    Beijinho
    cataaarinapereira@gmail.com

    ReplyDelete
  11. Apesar de socialmente eu não ser considerada gorda, durante muito tempo eu achei-me gorda. Hoje, não posso dizer que já não acho, mas felizmente, começo a gostar mais do meu corpo e a aceitar-me como sou.
    Acho este teu post muito inspirador e vou muito provavelmente falar dele no meu blog.
    Beijinhos,
    www.tlganna.blogspot.pt

    ReplyDelete
    Replies
    1. Vou ficar à espera da tua participação ansiosamente! ;)

      Delete
  12. Lindo, lindo, lindo!! Sem palavras para descrever o quão tocante foi a tua escrita! Um ótimo projeto! Muitos Parabéns! http://bolacha-mariaa.blogspot.pt/

    ReplyDelete
    Replies
    1. Ainda bem que gostaste! Muito obrigada pelas tuas palavras <3

      Delete
  13. Fiquei a conhecer o teu blog através de um blog que acompanho e que quis fazer parte deste projeto, e ainda bem! É importantíssimo haver projetos do género e eu só tenho de agradecer a tua partilha, que certamente irá ajudar muita gente que se sente insegura com o seu corpo. Também eu quis deixar o meu testemunho, apesar de não ser daquelas histórias inspiradoras de alguém que mudou drasticamente porque, felizmente, essa mudança não foi precisa. Mas talvez o que escrevi possa inspirar alguém a mudar ou a amar-se do jeito que é. E é isso o importante, amar as nossas imperfeições e sermos perfeitamente imperfeitos.
    Deixo o post com a minha participação no projeto <3
    MARY WITH LOVE

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oh, querida Maria! Muito obrigada por este teu comentário. Qualquer história é inspiradora. Não descartes o teu testemunho, porque é sempre necessário para alguém, nem que seja para ti mesma! Vou ler o teu texto imediatamente, agradecendo-te por teres participado!

      Obrigada, do fundo do meu coração <3

      Delete

SHE WRITES © . Design by FCD.